Blog da semana 25, 27/12/2015 – sobre Parábolas de Jesus, cap. 29

Jesus está vindo! Jesus está vindo! Este tem sido o hino de muitos dedicados seguidores de Jesus. E assim deve ser. As promessas de Jesus são certas – nós podemos confiar nelas. Ele prometeu: “Eu voltarei e vos receberei para mim mesmo, para que onde eu estou, estejais vós também “(João 14: 3). Isto é reconfortante e motivador.

Mas . . . o que acontece quando Ele não vem em breve? Como é que nos recuperamos quando gritamos até a rouquidão com esperança de que o fim estava próximo, apenas para descobrir que “o noivo estava atrasado” (Mt 25:5)?

Na parábola das dez virgens Jesus brilhantemente aborda o desafio de como o cristão deve se relacionar com a demora de Sua vinda. É uma mensagem dupla: temos de preservar o nosso senso de urgência, mas também devemos cuidar para não desperdiçarmos oportunidades concedidas por Deus, por causa da expectativa de que o fim está próximo. Uma perspectiva desequilibrada muitas vezes tem levado à acusação de que os cristãos tem excessiva fixação no reino celeste, em detrimento das bênçãos terrenas.

De fato, a partir da perspectiva bíblica, é o nosso sentido de urgência na segunda vinda que nos motiva a ser uma bênção neste mundo!

Jeffrey Rosario
Porta voz – Portadores de Luz
lightbearers.org

 

Publicado originalmente em: http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/sop/col/28

Texto original: http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/sop/col/28

Tradução: Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s