Blog da semana 24-30/01/2016 – sobre Patriarcas e Profetas, cap.5

 

Apesar de trágica e violenta, esta história nos ensina lições importantes a respeito do plano de salvação. Para os pais de Caim e Abel, Deus havia revelado o plano de salvação e Seu desejo de resgatar a humanidade das terríveis consequências de sua desobediência (Gn 3:15). Este plano envolveu a morte sacrificial da “semente da mulher”, como retratado pelas vestes que Deus deu a Adão e Eva, retiradas do cordeiro morto (Gn 1:21). Caim e Abel foram instruídos sobre o sentido deste ato e foram informados sobre que tipo de sacrifícios Deus poderia aceitar.

No entanto, como Adão e Eva haviam feito, Caim também chegou a uma interpretação errada a respeito das palavras de Deus. Em sua mente, Caim elaborou um plano de salvação que não exigia a morte sacrificial da “semente da mulher”. Abel, por outro lado, acreditou nas instruções dadas e as seguiu pela fé.

Esta história é uma introdução temática para o resto das histórias bíblicas que se seguirão. A tragédia do pecado humano é seu tremendo impacto sobre todas as gerações. E na raiz de todos os pecados se encontra esta história trágica: a recusa de adorar a Deus de acordo com Suas instruções. Deus deu os primeiros quatro mandamentos do Decálogo para resolver este problema.

O grande conflito tem sua origem na adoração. A verdadeira fé conduz à verdadeira adoração de Deus e não ao culto de si mesmo.

Denis Fortin
Andrews University Theological Seminary

Publicado originalmente em: http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/sop/pp/5
Texto original: http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/sop/pp/5
Tradução: Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s