BLOG DA SEMANA 30/07/2017 – sobre Profetas e Reis, cap. 34

Meu tio tinha vários carros velhos enferrujados em seu quintal. Ao longo dos anos, ele sempre falava que cada um seria amorosamente trabalhado, recuperando sua beleza anterior. Cada carro, então, andaria e correria, lembrando aos mais velhos os tempos de sua juventude.

A pilha de carros nunca foi restaurada. Mas, os olhos do meu tio brilhavam quando ele sonhava e planejava!

Quando Jeremias, um jovem tímido, observava a desolação de Israel e, durante anos, repetia as mensagens de Deus, ele tinha uma forte motivação. O brilho nos olhos de Jeremias era de um vislumbre que ele repetidamente apresentava, através de sua vida de provação e dor, da glória que Deus prometera no fim de todo pecado. As maravilhas do céu, o vislumbre da concretização do plano de Deus, dava a Jeremias a esperança de que a dor seria de fato temporária. Havia algo digno de espera e esforço neste mundo. Na “apostasia sem paralelo” de seu tempo, Jeremias continuou a tarefa que havia aceitado, agarrando-se à alegria à sua frente do Reino por vir.

Muitas vezes, parece que os maravilhosos vislumbres do reino estão muito longe e as promessas de Deus ficam enterradas em pilhas enferrujadas lá fora. Mas a verdade é que Deus está presente hoje e em ação no mundo que nos rodeia. Ele está chamando, convidando e preparando um lugar para nós. E isso deve fazer com que nossos olhos brilhem!

Jenniffer Ogden
Pastor Associado
Universidade Walla Walla
EUA

Fonte: https://www.revivalandreformation.org/bhp/en/sop/pk/34 e https://www.revivalandreformation.org/?id=1548
Equipe de tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s