Comentário sobre O Desejado de Todas as Nações, cap. 30

João, o discípulo, não tinha o cinismo que é tão prevalecente hoje. Ele tinha total confiança em Jesus e como resultado obteve mais sabedoria do que os demais discípulos. Além disso, ele se aproximou mais do coração de Jesus do que os outros por causa da sua fé infantil – uma fé que confia tão implicitamente em Deus que não deixa espaço para dúvidas.

Eu sou uma estudante do ensino superior em uma universidade de destaque no meu país. Estou constantemente cercada por aqueles que afirmam que suas opiniões são formadas apenas pela razão e pela experiência. Eles zombam da minha fé, chamando-a “cega” e irracional. Mas eu posso ter confiança total em Deus por causa de sua perfeita confiabilidade! Deus nos dá o padrão pelo qual testar a sua fidelidade em Isaías 46:9-10; ou seja, através das profecias cumpridas, a sabedoria dos Seus conselhos e a Sua onipotência em todas as coisas.

Como João, podemos abrir nosso coração ao Salvador e confiar que é fiel Aquele que nos prometeu vitória sobre o pecado. Como João, podemos confiar em Jesus com plena confiança de que Ele busca apenas nos ajudar e não nos prejudicar. Podemos, como João, confiar que é fiel Aquele que nos prometeu um relacionamento eterno com nosso Pai Celestial. Com certeza, isso suprirá todas as nossas necessidades.

Eliza Maher
Melbourne, Austrália

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=12974     
Tradução: Jobson Santos, Jeferson Quimelli e Gisele Quimelli

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s