Comentário sobre O Desejado de Todas as Nações, cap. 59 – 60

O vício em poder e controle permanece vivo e bem hoje, exatamente como há dois mil anos. Desesperados para proteger posições de autoridade, os líderes judeus rejeitaram a Cristo, escolhendo endurecer seus corações. O Príncipe do Céu não forçaria a mudança de seus corações cegos pelo ódio ou curaria arbitrariamente suas almas devastadas pelo pecado. Capaz de ressuscitar os mortos, Ele ainda era incapaz de reviver os corações dos líderes espirituais impulsionados pela necessidade de poder.

Que conforto isso é para nós quando sofremos pelos corações endurecidos daqueles que não conseguimos alcançar! Saber que o Filho de Deus não conseguiu alcançar certas pessoas nos ajuda a aceitar a realidade comovente que nunca seremos capazes de alcançar a todos. Devemos abandonar a ilusão de que podemos salvar a todos.

Hoje, os corações humanos ainda são motivados pelo desejo de controle. A necessidade de poder muitas vezes leva Cristo para fora dos corações, deixando igrejas e lares vulneráveis ao comportamento tirânico. O medo de perder o respeito e a autoridade ainda leva muitos cristãos a crucificar vidas e corações. Infelizmente, o vício implacável ao poder destruiu muitas casas e vidas.

Todos os dias, perguntemos aos nossos corações: Em que extensão minha vida é governada pela necessidade de controle e poder? O que temo perder caso permita uma maior liberdade dos outros? Quando me sinto seguro no amor de Deus e aprendo a me sentir seguro não sendo controlador, deixarei de tentar ser Deus na vida dos outros.

Lori Engel, Capelã aposentada
Eugene, Oregon, USA

Fonte:https://www.revivalandreformation.org/bhp/en/sop/da/59-60
Equipe de tradução: Jobson Santos, Jeferson Quimelli e Gisele Quimelli

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s